blog

  • Jose Edmar Gomes

PABLO MILANÉS/IOLANDA

O criador morreu, mas a criatura jamais morrerá

Pablo Milanés
Pablo Milanés

Quem ouve Chico Buarque cantando Iolanda pensa que esta canção é do compositor/cantor brasileiro, mas não é. Um amigo até me contou que a música fora feita em homenagem à mãe de Chico, que se chamaria Iolanda. Ele confundiu Yolanda com Hollanda. A mãe de Chico chamava-se Maria Amélia Alvin Buarque de Hollanda.


Yolanda, a canção, fora feita por Pablo Milanés, em 1970, para sua esposa, Yolanda Benet, que acabara de dar à luz à pequena Linn. Pablo não pôde assistir o parto, pois tinha compromissos profissionais. Mas, ao voltar para casa, cantou Yolanda para a esposa.


Em entrevista à Marie Claire, citada pelo jornalista Robson Leite, no blog História pelos Cantos, a própria Yolanda Benet conta como conheceu Pablo e como a música surgiu:

“Conheci Pablo na casa de um amigo comum, em Havana. Eu tinha 23 anos e era continuísta de cinema. Casualmente, três dias depois, começamos a trabalhar juntos em um filme e nos apaixonamos.

Pablo compôs Yolanda quando nossa primeira filha tinha dez dias. Ficou chateado por ter de viajar.”


Yolanda, a esposa, continua:


“Quando regressou, trouxe a canção. Eu estava com Linn nos braços, dando-lhe o peito, e ele me disse: ‘Olha o que fiz para você’.

Pegou o violão e cantou Yolanda. (…) Pensei que aquela canção era algo íntimo, que só eu poderia compreender o que Pablo estava dizendo. Mas parece que ele a fez com tanto amor que todos são capazes de entendê-la (…)”


Aqui no Brasil, pouco sabemos quem é Pablo Milanés, mas, assim como todo o mundo, gostamos imensamente de Iolanda, a canção, e já ouvimos Milton Nascimento cantar algo como Canción por la Unidad Lationoamericana, ao lado de Chico Buarque. Em 1981, Fagner registra Años, ao lado de Mercedes Sosa.