blog

  • G1 DF

Cinema de graça: cine drive-in nas cidades volta circular pelo DF a partir deste sábado, de graça


Em uma nova edição, o projeto Circuito Cine Drive-in nas Cidades volta a montar espaços de exibição de filmes, de graça, no Distrito Federal. Desta vez, Brazlândia, Planaltina, Recanto das Emas, Gama e Santa Maria estão na rota do cinema.


O evento começou no sábado (19) e vai até o dia 22 de julho. A primeira parada do circuito foi em Brazlândia e agora finalizando Planaltina, depois segue para o Recanto das Emas


Para assistir aos filmes, basta retirar os ingressos pela internet (saiba mais abaixo).


Sábado (19)


  • 18h: Curta metragem

  • 18h30: Pokémon: Detetive Pikachu

  • 20h40: Minha Mãe é Uma Peça 3


Domingo (20)

  • 18h: Curta metragem

  • 18h30: O Rei Leão

  • 20h40: Mulher Maravilha 1984


Segunda-feira (21)

  • 18h30: Curta metragem

  • 20h40: Chorar de Rir


Terça-feira (22)

  • 18h30: Curta metragem

  • 20h40: Capitã Marvel


Quarta-feira (23)

  • 18h30: Curta metragem

  • 20h40: IT 2, o Palhaço Assassino


Quinta-feira (24)

  • 18h30: Curta metragem

  • 20h40: Shazam


Como participar

Segundo os organizadores do Circuito Cine Drive-in nas Cidades, cada sessão tem capacidade para 100 carros, sendo que cada veículo pode ter até quatro pessoas. Por causa do espaço limitado, os ingressos devem ser retirados com antecedência pela plataforma Sympla.

Depois de retirar o ingresso, é preciso enviar uma mensagem com alguns dados para o Whatsapp (61) 98344-1858. As informações, servirão para agilizar a liberação do acesso às sessões.

Os dados devem ser enviados com, no mínimo, 12 horas antes do evento. São eles:

  1. Placa do veículo usado para entrar na sessão

  2. Nome e CPF do titular do ingresso

  3. Código do ingresso


Ainda de acordo a organização, o evento segue todos os protocolos de segurança contra a transmissão da Covid-19. No local, as pessoas devem respeitar o distanciamento entre os carros, o uso de álcool em gel e a aferição de temperatura.

O evento é realizado pela Associação Artise de Arte, Cultura e Acessibilidade.

DESTAQUES